ORIGENS OCULTAS DA MACONARIA - RITUAIS, SIMBOLOS E HISTORIA DE UMA SOCIEDADESECRETA

Picture of ORIGENS OCULTAS DA MACONARIA - RITUAIS, SIMBOLOS E HISTORIA DE UMA SOCIEDADESECRETA
ORIGENS OCULTAS DA MACONARIA

R$ 43,00
R$ 42,14
Previsão de entrega: Produto não disponível
edição: 2011
isbn13: 9788531517198
Número de páginas: 248
Peso: 0,374
Autor: STAVISH, MARK
Editora: PEN - PENSAMENTO


Descrição

Uma das mais famosas sociedades secretas do mundo, a Maçonaria continua sendo uma das maiores organizações fraternas que existem. Alguns dos mais heroicos e criativos pensadores da história pertenceram a ela, como George Washington, Benjamin Franklin, Goethe e Mozart, e inclusive no Brasil, como o Barão de Mauá, Bento Gonçalves, Dom Pedro I e Tiradentes. O que ligará a filosofia dessas grandes mentes aos cerca de quatro milhões de maçons que preservam essa antiga Fraternidade? Em ´As Origens Ocultas da Maçonaria´, Mark Stavish nos traz um dos estudos mais abrangentes já escritos sobre os aspectos esotéricos da Maçonaria nos últimos cinquenta anos. O autor é um líder destacado no campo das tradições mágicas ocidentais e analisa a Maçonaria de um ponto de vista novo, não tradicional. Escrito com inteligência, humor e ironia crítica sobre o tema complexo da Maçonaria em sua relação com a história do esoterismo ocidental. O espelho histórico da Maçonaria nunca refletiu tão brilhantemente o vasto espectro de suas influências culturais. O autor aborda, de maneira explícita, as influências ocultistas, esotéricas e, sobretudo, herméticas que moldaram os ensinamentos e valores da Maçonaria. Não se trata de uma história tipológica, mas de uma análise abrangente, que explora as organizações de perfil maçônico, os diferentes ritos, os símbolos, os ensinamentos éticos secretos em comparação com o contexto mais vasto dos movimentos afins. Com ótimas referências, inúmeros exemplos históricos e um riquíssimo acervo de influências e correntes cruzadas, a obra é uma contribuição informativa ao campo dos estudos esotéricos e ocultistas, traçando um panorama bastante útil do profundo pluralismo que caracteriza a história maçônica.